Sobre o Luis

Luis Augusto Vulcanis é paranaense de Curitiba onde nasceu em 2 de outubro de 1962 e viveu até os nove anos de idade quando mudou-se para o Rio de Janeiro.

Estudou no Instituto de Educação do Paraná, Escola Municipal Castelnouvo, Escola Municipal Santo Tomas de Aquino e no Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil - CETIQT, onde formou-se Técnico em Malharia e Confecção de Vestuário em 1981.

Foi no Rio de Janeiro, onde morou doze anos, que teve seus primeiros contatos com o violão através dos amigos Maurício e Márcio Moura (Márcio Hulk) que moravam no mesmo prédio e tinham um regional de chorinho chamado Naquele Tempo, foi nessa época que aprendeu a tocar pandeiro com o Agenor do Pandeiro.

Na escola participou de um Festival, com a música Escuro da Noite feita em parceria com o amigo Paulo Cesar (Pig) e um outro colega.

De volta a Curitiba em 1984 conheceu o movimento Punk e formou, em 1985, sua primeira banda, Os Maus Elementos, junto Gustavo Távora Rodrigues, Edilson Del Grossi e Andrea Giovanetti. Posteriormente, em 1986, montou a banda Paz Armada com Gustavo Rodrigues, Renato Queje e Marcos "Careca" Rebelo. Ainda teve uma rápida passagem pelas bandas O Corte e Resistência Nacional.

Em 1988 muda-se para União da Vitória onde cria junto com os amigos Eros Sanches, Adilson Zielinsk e Cristiane Cândido o fanzine O Próximo Número. Em 1993 cria o jornal Folha de Negócios que apesar do nome focou-se em assuntos culturais.

Em 22 de dezembro de 1996 converte-se ao cristianismo na igreja Renascer em Cristo e muda-se para Ponta Grossa onde passa a frequentar a Igreja Evangélica Assembléia de Deus. Em 1997 conhece a atual atual esposa, Nil, com quem se casa em 11 de junho de 1997. Deste casamento vieram seus três filhos: David, Emmanuel e João Pedro.

Troca a guitarra pelo contra-baixo e passa a integrar o grupo Perene Canção. No ano 2000 monta a banda Christian Hard Core (CHC) com os amigos Kleber Cruz e Zico Batera. Também fez parte do grupo Shekinah e em 15 de novembro de 2010 monta o Safra Vintage. Já em 2012 a banda acaba se desfazendo, por questões de foco ministerial.

Mesmo sem banda, não para de compor e rearranjar antigas músicas. É neste espírito que aos poucos vai retomando seu trabalho, na música e cria o projeto solo "Experimento Holy Factor". O primeiro registro desta nova fase é a música Compreensão gravada em casa no dia 18 de agosto de 2013 junto com seu filho David.

Em 2015 tem duas músicas publicadas em duas coletâneas: Cristo Suburbano Vol 1 e United Skate Compilation da Californiana Thumper Punk Records. Em novembro lança o álbum Guerra & Paz, com dez músicas e capa do artista plástico paranaense Neri Rosa. Em 2016 mais uma música é incluida na coletânea Cristo Suburbano Vol 2 e no final do ano lança o EP Descanse em Paz. No início de 2017 sai mais uma música deita com exclusividade para a coletânea Cristo Suburbano Vol 3.

Ainda em janeiro de 2017, assume seu chamado ministerial e inicia os trabalhos do Esconderijo do Altíssimo, uma comunidade cristã, em uma pequena sala alugada na cidade de Matinhos, PR.

Nenhum comentário:

Postar um comentário